Áries

A semana para os arianos começa com um tom de agitação interna, visto que com a lua minguante em touro que apesar de iniciar o período em touro, trânsito qual ela se sente confortável para se expressar, vai encontrar com Urano ao ingressar no signo, para além dos aspectos desafiadores a Marte, nodo lunar norte e Mercúrio. É como se nos sentíssemos pressionados pelos meios sociais em que vivemos (empregos, famílias…) a consistentemente mostrar nosso valor pessoal e ideais. Estes parecem em constante pauta em nossas mentes pelas últimas semanas, mas não foi até o momento que tais demandas nos pareceram inconvenientes. Isso nos leva a buscar momentos de conforto com amigos e familiares que não nos recordem dessa sensação, o que é de fato aconselhável. Atividades novas, que nos permitem enxergar novas maneiras de agir e socializar são favorecidas, especialmente após quinta-feira.

O conselho para a semana é observar como reagimos e nos vemos em situações assim. Podemos nos perguntar: tenho agido de maneira automática, respondendo da mesma maneira a situações que parecem se repetir? Estou me adaptando ao momento e as pessoas ou tentando adaptá-los ao meu modo de ser e viver? Tenhamos momentos pontuais de isolamento, em que possamos ouvir apenas às nossas vontades e cuidar de nossos físicos. Isso trará melhor equilíbrio e clareza às situações futuras e presentes, visto que as próximas semanas serão suficientemente agitadas. Carpe diem.

Touro

Os taurinos entram na semana com a lua transitando em sua casa 1, indicando foco inicial em sua energia física, com agitação ou cansaço em excesso, o que causa certa reatividade incomum a touro. Com tantos planetas transitando casas angulares em seus mapas, temos um momento para reavaliar o que querem de fato manter em suas jornadas.

Touro pode ter tendências ao comodismo, não por preguiça, mas por segurança e praticidade. O momento vai mostrar que áreas de nossas personalidades podem precisar de “novos ares”, para que metas estabelecidas em nossas mentes possam ser alcançadas. Para tanto, vale tentar ao que familiares (pessoas mais próximas) têm a dizer. Observe como eles agem quando estão próximos a você e pratique a empatia, adaptando-se para evoluir.

Não pense que estará abrindo mão de seu poder/espaço pessoal caso haja momentos de conflito de ideias e você escolha tomar um caminho mais diplomático. Veja a situação como uma nova oportunidade para reavaliar o que precisa ser mantido em sua maneira de reagir e o que pode estar bloqueando o sucesso interpessoal que procura.

Gêmeos

Geminianos passam por uma fase de reavaliação (em muitos casos, financeira) pessoal. Mudanças recentes feitas por vocês em seus relacionamentos próximos, seja na forma de agir ou como entender ações de terceiros causam impactos na rotina que serão importantes em longo prazo. Trabalho é um dos principais focos deste ascendente pelas próximas semanas, com interações sociais favorecidas após a lua nova e foco constante em produzir para ver os frutos de seus esforços, que começarão a aparecer a partir deste mês (Júpiter ficará direto na área do trabalho).

Com Marte apenas no inicio de seu ciclo retrógrado em sua nona casa, contudo, será preciso avaliar se o que fazemos nos satisfaz realmente ou se estamos apenas colocando em prática planos já determinados por nossos próprios padrões ultrapassados, isto é, nem sempre a maneira como idealizamos alcançar nossos objetivos, devido ao conhecimento que temos, seria o modo mais proveitoso de fazê-lo. Procure então, ao se deparar com questões “sem resolução”, novas fontes de conhecimento, que já se apresentam, conforme expressamos desejo de evolução intelectual.

Como Vênus ingressa em Virgem na segunda-feira (9), fazendo aspecto com Urano na sua casa 12, novas informações poderão ser encontradas e novas maneiras de pensar apresentadas mediante interação social com quem nos motiva e critica construtivamente. Foco em família e amigos íntimos no que diz respeito cuidado ao próprio, para que estes ajudem no processo.

Câncer

No mês em que o sol transita por sua primeira casa (em oposição a Saturno) questões levantadas internamente sobre independência e forma de se relacionar ganham forma através de situações presentes. Estas serão trazidas por outras pessoas, que reagirão a sua maneira de lidar com elas, expondo pontos de sua personalidade, antes ignorados ou desconhecidos. A maneira como cancerianos se comportam em grupos e em suas relações mais próximas ganha especial atenção, pois é imperativo que, para que alguns hábitos e pessoas sejam mantidos ou não em suas rotinas, o nativo avalie seus próprios conceitos de amor próprio e ego, o que se torna mais fácil quando observamos a alguém próximo em relação ao que expomos.

O conselho para a semana é ouvir. Com Mercúrio em leão, em uma quadratura a júpiter em escorpião, podemos nos sentir intitulados a reações baseadas apenas no que entendemos pessoalmente como correto e justo. Isso não precisa ser sempre negativo, mas ouvir e praticar a empatia, tentando compreender de onde o outro parte, nos permite analisar por outro ângulo algo que tínhamos fixado como padrão em nossas vidas.

Vale lembrar que desafios são apenas situações que não condizem com nossos padrões de ação, exigindo adaptações para evolução e resolução.

Leão

Os nativos de leão sentem os efeitos do mês de julho com mais força que os demais, vistos os trânsitos em suas casas 1 e 7, envolvendo planetas pessoais e nodos da lua. A segunda semana de Julho, portanto, reserva intensa reavaliação emocional para esclarecer pontos em que o leonino tem se mantido inflexível – como é característico de signos fixos – e podem impor seus pontos de vista sem perceber seu impacto em um coletivo; pessoas próximas podem estar sensíveis ao leonino, de modo a exigi-lo mais do que ele sente que pode prover emocionalmente, por mais que deseje. O momento pede reflexão e solidez, com o nativo se permitindo ser menos presente e, desta forma, recuperando o equilíbrio mental e físico para lidar com a agitação crescente em seu interior.

Com o sol ainda em sua casa 12, reações rápidas podem ser um problema sério, quando baseadas em estresse e emotividade. Cuidado redobrado, portanto, com as palavras usadas e expressões impróprias em momentos de grande agitação interna. Não leve em consideração apenas o momento, mas também o contexto de sua realidade e o objetivo a se alcançar com todo tipo de conversa mais séria durante a semana. Considere que, por mais que você conheça alguém, todos estamos passando por momentos conturbados, que nos demandam mudanças e nem todos saberão lidar com elas construtivamente, pedindo maturidade e empatia de sua parte, leão.

Virgem

Para os virginianos, julho já começou com foco principal em suas rotinas, que passam por transformações consideráveis, e como melhor utilizar o tempo disponível para fazer o que nossos corações pedem. A segunda semana do mês traz Júpiter estacionando para voltar a sua moção direta em sua terceira casa natal (Escorpião). Adicione o Sol em câncer ao combo e temos um período repleto de oportunidades para socializarmos e nos satisfazermos com as interações decorrentes.

É necessário sobriedade para adaptarmos essa nova relação com o social à personalidade individual, o que será também favorecido pelo ingresso de Vênus em sua casa 1. A disciplina se faz presente, com lembretes constantes das responsabilidades que não devem ser ignoradas pelo prazer, além de uma nova interpretação de como suas palavras e atitudes influenciam o próximo. Essa revisão de comportamento e atenção especial à estrutura de sua rotina favorece novas percepções acerca de sua maneira de lidar com a vida em geral, o que nos tornará mais receptivos a influências externas que sejam positivas para nossa evolução pessoal. Grande proveito pode ser tirado de interações. Vamos nos divertir, mas manter a disciplina com nossos corpos e mentes, para que as novidades não nos sobrecarreguem.

Libra

Para a semana dos librianos, a lua começa transitando sua casa 8, setor que rege tudo em nossas vidas que nos é imposto por outras pessoas (impostos, dinheiro ganho através de investimentos externos, como heranças e afins). Essa casa pode trazer à consciência valores adotados para evitar conflitos e desestabilidade em suas rotinas, mas que os tem mantido presos em situações limitadoras. O desejo de libra para conquistar seus objetivos se vê podado por circunstancias auto-infligidas.

Inicialmente, conflitos internos sobre o que os tem mantido estagnados impulsionarão os librianos a serem mais assertivos em suas palavras e ações, pois não será mais possível adaptar suas rotinas e vontades a pressões de terceiros, que se aproveitam da cordialidade deste signo.

Com Vênus ingressando na casa 12, teremos um período de reformulação da expressão social libriana, em que os nativos revisarão seus objetivos e como eles atendem de maneira individual as suas necessidades e desejos, sem ignorar completamente os que os cercam em suas expressões próprias.

Escorpião

Júpiter mudando novamente de direção em sua primeira casa deve trazer a percepção de uma nova maneira de lidar com seus relacionamentos íntimos, especialmente no que diz respeito à família. Durante os últimos meses do retrógrado, as experiências vividas forneceram choques com a realidade sobre o que achavam ser um caminho seguro a trilhar em busca da estabilidade. Tais choques evidenciaram em que áreas de suas vidas a insegurança e o medo têm impedido a real expressão individual.

A semana iniciada com a lua na casa 7 lidará com pressões já sentidas ao longo do último  semestre, mas agora com a diferença de maior segurança interna para expor de maneira objetiva nossos próprios pontos de vista e experiências. Esse período dará dicas sobre a semana final do mês, onde um eclipse ocorrerá conjunto ao regente de nossos mapas, Marte, rompendo de vez com inseguranças passadas para seguirmos com energia renovada para o próximo capítulo de nossas vidas.

Sagitário

Com seu regente (Júpiter) finalmente recuperando seu movimento direto em sua casa 12, temas relacionados a feridas emocionais não trabalhadas podem finalmente ser vistos com clareza e, a partir do presente, tratados. A energia física, apesar de Marte retrógrado, pode ser restaurada e uma sensação de otimismo sobre novos projetos, ou apenas sobre a nova fase, faz dessa semana um momento expansivo para sua personalidade. Interações com amigos e colegas de trabalho são favorecidas pelo ingresso de Vênus em sua casa 10 e pelo transito lunar sobre setores que dizem respeito a relacionamentos e o que esperamos deles (casas 6 a 9).

O meio da semana pode ser especialmente agitado, com situações que evidenciarão nosso progresso emocional, exigindo que a experiência adquirida no último semestre seja colocada em prática. Temos exigido demais de nós mesmos? Temos deixado que outros digam o que é verdade ou temos aproveitado a experiência de outras pessoas para agregar conhecimento e profundidade à nossa? Talvez seja necessário também rever como nosso tempo foi administrado e se responsabilidades foram negligenciadas por escapismo.

Tomar cuidado com como nossas finanças têm sido administradas também é necessário, pois o primeiro passo para alcançar nossos objetivos é ter uma base concreta para firmá-los desde o início, tendo o dinheiro como um canal para recursos que nos permitam avançar em nosso crescimento pessoal.

Capricórnio

Com o Sol transitando seu signo oposto na casa 7, Marte retrógrado na 2 e Mercúrio na 8, a maneira como capricórnio entende suas metas vai ser influenciada por como ele reage praticamente a situações que se oponham a tais objetivos. Adaptar-se ao momento, deixando seus projetos flexíveis para serem moldados e usando recursos disponíveis (não os que idealizamos como necessários) são boas práticas a serem desenvolvidas.

Vênus transitando a casa 9, em harmonia com Saturno e Urano pela semana, trará oportunidades inesperadas para flexibilizar seus horários e rotina em geral, provavelmente através de novos projetos ou grupos aos quais desejaremos dar mais atenção. Contudo, essas oportunidades podem ser desperdiçadas, caso não consigamos abrir mão de conceitos e hábitos já fixados em nossas mentes como primordiais.

A dica, então, é adaptar os recursos e planos a novas situações que também podem trazer resultados desejáveis, de maneira a equilibrar a rotina com o que vier como novidade, não perdendo o foco, mas criando mais maleabilidade.

Aquário

Os aquarianos enfrentam um momento de instabilidade, pois Marte retrógrado em sua primeira casa, além do Sol pela sexta, sugerem uma rotina que os tem exaurido física e mentalmente. Esta semana, contudo, Vênus favorece a atenção dada a esses assuntos a partir de seu ingresso em Virgem, facilitando a compreensão do indivíduo sobre o que o leva a sobrecarregar-se e, portanto, tornando possíveis novos planejamentos para resolução do problema.

Ao final da semana, com questões ligadas ao dia-a-dia e cuidado com o corpo tomando um novo rumo, sentiremos a crescente necessidade de modificar quaisquer aspectos da rotina prévia que não mais nos serviam, mas pareciam fardos. O momento pede reflexão e paciência.

Peixes

A Lua começa a semana transitando a terceira casa para os piscianos, o que sugere interação com colegas de trabalho, vizinhos, familiares e grupos onde passamos nossa rotina em geral tomando um papel importante, fazendo com que o nativo perceba a maneira como tem se expressado em tais meios. Essa realização, por mais sutil que seja, evidenciará as diferenças entre a maneira como o pisciano acredita ser visto (o que motiva suas ações em sociedade) e como ele de fato é percebido pelos demais.

Teremos abertura para repensar e redirecionar nossos objetivos, considerando nova maneira com a qual nos percebemos. Teremos também energia renovada para sermos mais autênticos em nossas expressões, não percebendo mais o medo ou imposições que pensávamos nos dominar.

TEXTO POR: DAVID FISCHER 
REVISÃO POR: GIULIA RAMPAZO
ILUSTRAÇÕES: VICTOR LOUREIRO

Tem alguma dúvida? Quer conversar com a gente?
Manda um email pra bixaria@westandfearless.com